terça-feira, 25 de agosto de 2009

O Sabido…


Há já algum tempo que me ocorria o pensamento de voltar a ver e a estar com camaradas que há muitos anos conheci, todavia, ainda não me tinha batido, como agora, essa (talvez) necessidade emocional; certo é que os anos vão passando e esse tal sentimento apertou e falou mais alto, motivo pelo qual, encetei diligências na procura de saber notícias do pessoal da C.Caç. 4641 e a este blogue cheguei na passada semana, tendo revisto alguns de vós na fotografia que o camarada Fialho "postou".Certamente que alguns senão a maioria de vós não se recordarão de mim, pelo que passo a avivar as vossas memórias: sou o Joaquim Sabido, de Évora, prestei serviço na vossa e se me permitem, também um pouco minha C Caç 4641, e estive convosco no ano de 1974, em Mansoa, no Ilondé e na guarda e segurança ao palácio do Governador, quando este foi o Sr. Coronel Carlos Fabião então graduado no posto de General.Se bem se recordam, existiam à época - Maio de 74, na C.ª, apenas dois alferes milicianos: O camarada e companheiro Brás (que, quando cheguei, se encontrava em gozo de férias em Portugal) e o Martins, que se bem me lembro veio também de férias logo após a chegada do primeiro. Como vim de Jemberém (agora verifiquei noutros sítios ou sites designar-se Lemberém)e a minha Cª foi divida em "reforço" de outras, tive a sorte de ter sido colocado na vossa 4641 e guardo de todos, ou pelo menos de muitos de vós, boas recordações e é por isso mesmo que, se me quisessem adoptar, seria para mim um gosto enorme confraternizar com o pessoal e em especial com o do 2º pelotão, no qual o Sr. Capitão Fernandes me colocou nesses idos de Maio de 74.Quando levarem a efeito qualquer evento, gostaria de ser também vosso convidado.Um grande e fraterno abraço a todos quantos integraram a 4641; do Joaquim Sabido, ainda residente em Évora e contactável para: 266 745 060 (dia); 266 085 541 (noite) e 917 254 808, se algum por aqui aparecer ou passar entretanto, será meu convidado para almoçar e ou jantar.
Deixei o comentário quando me encontrava no serviço, ainda a meio gás, mas quando cheguei a casa dei comigo a pensar que talvez me tivesse equivocado relativamente ao nome do Alf. Mil. do 4º pelotão, ou grupo de combate da 4641, será que era Martins ?, ou não ?!. Certo é que era um transmontano de boa cêpa, creio que de Vila Real e sempre fomos bons companheiros no pouco tempo em que convivemos; convívio que aconteceu com muito mais assiduidade com o então, igualmente, Alf. Mil. Brás (à época grafava-se Braz), do 1º pelotão.Conforme já ontem fiz referência, quanto escrevi foi ditado por um impulso no momento em que verifiquei já se anunciar o próximo almoço de convívio e, por isso, talvez não me tivesse explicado bem, pois, na verdade, prestei serviço na 4641, durante pouco mais de 3 meses; mais ainda fizemos, além do que já referi, algumas colunas a Farim.Sendo por isso compreensível que a maioria do pessoal não se recorde de mim, que era então um jovem Alf. Mil. "piriquito" com 21 anos de idade, tendo cumprido o meu 22º aniversário na vossa companhia, no Ilondé, não é que vocêsfossem velhos, mas já pertenciam à velhice, à ferrugem na Guiné.Aqui, em Évora, ainda encontrei algumas vezes o então 1º sarg. Mourão, creio que se terá aposentado no posto de sarg.-mor; o Raposinho; o Mirandela, que estava então na GNR, o Furriel-Mil. Palma e julgo que mais ninguém da C.ª.Saúde, boa continuação no gozo das merecidas e um cordial abraço do Joaquim Sabido para todos quantos integraram a C. Caç. 4641.
25 de Agosto de 2009 15:25
Caro Sabino,
O maior e mais fraterno abraço, podia dá-lo pessoalmente no próximo dia 12, junto de muitos dos nossos camaradas de armas, vamos chamar-lhe assim.
As tua confusão é algum…o que é normalíssimo, se fores resolverás esse teu, nosso problema. Pensas nisso??
Fica aqui o contacto da organização, para que possas inscrever-te. 271 230 082 - Amândio Fernandes
Sobre ti, o nome Sabino não me é estranho, mas muito mais não me recordo muito mais que isso…os almoços anuais tem o condão de manter vivos os traços físicos que trinta e cinco anos mais ou menos se vão mantendo.
Quanto aos Alferes, haviam sem ser assim tão linear : O Brás como dizes, o Silva , o Magalhães , o Manata, o Lopes, depois o Pestana e nesse caso TU.
O Sargento a que te referes era o Romão e não Mourão...

Sabino, um Grande, Grande abraço do Fialho e aparece no almoço da Guarda.

1 comentário:

Joaquim disse...

Caríssimos camaradas e amigos;
Foi com muita satisfação e agrado que ontem (26/08) recebi um telefonema com origem na bela cidade da Guarda, do nosso Capitão Fernandes, facto que me deixou profundamente satisfeito e grato. Na verdade, esta "coisa" da internet é uma verdadeira maravilha, pois bastou-me clicar e já encontrei a maioria do pessoal, porque é que eu não recorri a esta coisa há mais tempo ?!
Fialho: a esposa e o canito ?, espero que todos estejam bem, se bem me lembro és alentejano e natural de Portel, ou pelo menos daqui desta região, não é assim ?
Já agora aproveito para dizer que, depois de ter trocado os nomes do pessoal (o que concerteza se deve à idade), pelo que apresento desde já o meu pedido de desculpas, não mereceria outra coisa senão que trocassem o meu apelido que é Sabido e não Sabino.
Mas, se Deus quiser teremos oportunidade de afinar esta conversa no próximo dia 12 de Setembro, no convívio, na Guarda, evento para o qual, já ontem telefonicamente tive a oportunidade de confirmar a minha presença ao nosso capitão Fernandes, que teve a gentileza de me convidar, o que muito sinceramente agradeço.
A todos da 4641 que acedam ao Mansoa, deixo as minhas cordiais saudações.
Até lá ...
Até